Fazendo o caminho de volta a Jerusalém (Celestial)



Por definição ao longo de 2000 anos a pura e sã doutrina de Jesus Cristo foi sendo contaminada no coração da igreja por diversas outras doutrinas, filosofias, religiões, pensamentos, misticismos e superstições. Seria querermos demais achar que não haveria um forte trabalho e ataque das trevas para tentar contaminar e macular a santa doutrina do Senhor, mas apesar disso, de tempos em tempos, o Espírito Santo tem despertado o coração de homens e mulheres de Deus para que possam se voltar novamente a Palavra e examinar humildemente no temor do Senhor as Escrituras procurando encontrar Cristo e o seu Verdadeiro Evangelho. Eu sei que uma pessoa pode ter uma bíblia e nem por isso ao ler ela terá um encontro com Deus. A bíblia tem sido sim um instrumento poderoso de Deus e manual da fé cristã, mas mesmo assim apenas o Espírito Santo tem poder de extrair, escrever e vivificar em nossos corações qual é a essência da verdadeira mensagem evangélica que Jesus Cristo nos deixou. Evangelho significa em si mesmo boas novas, e a boa nova é que Deus nos amou e nos deu Seu Filho Jesus, para que crendo Nele não tenhamos de perecer, mas recebamos a vida eterna. Agora que nós sabemos que Cristo crucificado (e a ressurreição) era a única mensagem com a qual Deus enviou os Apóstolos pelo mundo nos convém atentar melhor e resgatar em nosso íntimo qual seja a dimensão perfeita (a largura, a altura e a profundidade) da mensagem de Deus aos homens.


A questão se torna que mesmo que nós tenhamos contaminado e pervertido a mensagem de Deus no coração da igreja, ainda assim a mensagem verdadeira permanece de pé e incorrupta. Quero dizer, não importa o quanto tripudiemos e façamos mal do evangelho, ainda assim o que nós teremos será apenas uma versão adulterada do evangelho, que já não pode mais ser chamada de evangelho, mas mesmo assim o evangelho em si não terá mudado. Se nós queremos limpar os nossos corações através da obediência a Palavra então é bom voltarmos ao Senhor pedindo orientação e esclarecimentos. Na história da igreja sempre houveram movimentos de avivamento que levaram a bandeira de retorno as veredas antigas, retorno a doutrina primitiva, retorno ao evangelho original, onde muitas ou poucas pessoas começaram a cair em si e a perceberem que algo estava errado, que aquilo não era palavra de Deus e então começaram a buscar pela palavra. A restauração em vários momentos começou entretanto na vida da maioria das pessoas talvez nunca chegou ao fim. Muitos movimentos destes que principiaram como avivamento, historicamente, se tornaram seitas e se desviaram da verdade muitas vezes mais do que aqueles que eles se propunham a combater. Estes movimentos de avivamento talvez pararam na história muitas vezes e no momento em que julgavam já ter atingido o alvo era na verdade a hora em que eles deveriam descer um pouco mais a presença de Deus. Um importante movimento destes com certeza foi a reforma protestante, sem a qual nós até hoje muito provavelmente não teríamos acesso as escrituras por exemplo. Entretanto usando a reforma protestante como um exemplo uma vez que foi o movimento de retorno maior e mais conhecido na história podemos entender que até hoje a reforma protestante, a restauração que ela propôs, não foi concluída. A reforma com certeza trouxe a tona muitos conceitos importantes e resgatou muitos ensinos perdidos das escrituras entretanto também obscureceu outros, e de algum modo não percebeu que ela trouxe muito do catolicismo (ou da religião que Constantino inventou) no seu bojo e isso permanece e se ressalta mais a cada dia até hoje.



O retorno ao princípio portanto é um grito que o Espírito Santo dá no coração da igreja faz quase 2000 anos. O saia da apostasia e vá encontrar Jesus, o teu Esposo Celeste. Mas a igreja deveria se debruçar sobre os ensinos dos antigos reformadores não tendo em conta como se estes houvessem terminado a tarefa, mas sim como realmente foi, tivessem começado a tarefa, assim como diversos outros grupos, com menos expressão história, também começaram a tarefa de uma reforma e de um retorno ao evangelho original. É muito mais do que termos apenas a doutrina toda certinha e um coração atrofiado, de termos a doutrina toda certinha e estarmos mortos em formalismos e ritualidades sem sentido. É um retorno ao Espírito Original do Evangelho do Senhor Jesus Cristo. Isso só é possível com uma poderosa caminhada com o Senhor, quero dizer, não vai acontecer de um dia para a noite, o caminho de volta é uma longa jornada, passo a passo, aprendendo e se desintoxicando da religião criada que foi chamada de cristianismo mas que pouco tem a ver com Cristo em alguns casos. Eu creio que vivemos o momento em que cada cristão deveria entender que é hora de fazer o retorno, é hora de voltar as veredas antigas, é hora de retornar ao Evangelho Original, ao coração da igreja primitiva, ao coração que eles receberam de Jesus naquele dia de pentecostes. Não é que eles tivessem se tornado pessoas perfeitas e sem pecados ou lutas pessoais, mas que o coração deles realmente estava inflamado pelo fogo que iria consumir todo o pecado deles próprios e que iria levar a luz verdadeira por toda a terra. Por isso a igreja primitiva se torna inquestionável neste quesito, eles estavam banhados no Espírito do Evangelho do Senhor Jesus Cristo, e foram capacitados por Deus para levar esta mensagem, e até eles mesmos, na bíblia, a medida que andavam, aprendiam mais e mais como levar (carregar) Cristo em seus corações como testemunho a Deus e aos homens.



Hoje nós temos muito que limpar na igreja atual, mas será que a igreja está disposta a isso? Muitas vezes enxergamos que multidões andam acomodadas e contentes com tudo que estão vendo acontecer. Na realidade coisas muito boas tem acontecido em meio a igreja do Senhor, mas também atrocidades. A disposição e a iniciativa de mudança nascem do coração de Deus, é Ele quem gera o arrependimento em nós, é um chamado ao qual devemos dizer sim, que queremos voltar, e então entender, esta caminhada de volta ao lar levará a sua vida toda. Quando falamos a respeito das coisas que tem que mudar temos que compreender, é do coração da igreja que estamos falando. Apenas um batismo santo de Deus em convicção de pecado e mudança de atitude, nos convencendo do desprezo e afronta que temos feito ao sacrifício de Jesus Cristo é que pode infundir o temor do Senhor em nossos corações novamente. Nada além de um derramar do Espírito Santo (e se eu fosse você oraria por isso, pois quem pede certamente recebe) pode mudar a situação atual da igreja. A mudança começa individualmente e não em grupo, arrependimento começa individualmente e não em grupo. É uma pessoa que começa a se arrepender e não espera que as outras o façam junto, mas simplesmente ela está lá fazendo o caminho de volta, voltando ao Senhor. Suas vestes podem estar rasgadas, ele pode estar nu, seus pés podem estar descalços, pode estar lhe faltando um banho, pode estar magro de tanta fome e envergonhado de tanto desprezo a Deus, mas ele está fazendo o caminho de volta. Há lugares muito sombrios nos quais a igreja se intrometeu hoje em dia. O evangelho da prosperidade, a doutrina dominante da prosperidade, que promete o céu na terra e garante bênçãos materiais e sucesso em todas as áreas da vida, realização de sonhos pessoais, e todas estas coisas aos que recebem a Jesus. Nós temos também superstições que cristianizamos como por exemplo:



- No passado você batia na madeira quando acontecia alguma coisa ruim, "isola", agora você diz "está amarrado", "eu repreendo em nome de Jesus", "eu não aceito".



- No passado você tinha um monte de amuletos sagrados, pé de coelho, ferradura, agora você tem a fronha da prosperidade, o martelo da justiça divina, e todos estes objetos "ungidos" que as igreja atualmente vendem.



- No passado você acreditava em carma e muitas outras coisas, agora você acredita em maldições hereditárias e tudo mais, que nada mais são do que o mesmo ensino das religiões orientais a respeito de carma.



- No passado você fazia meditações e mentalizava os seus desejos, agora você crê que deve verbalizar quais são os seus desejos "em nome de Jesus" e irá recebê-los (a isso chamam confissão positiva) que nada mais é do que metafísica, ensinos de hinduísmo, mentalização e tudo mais disfarçado de cristianismo.



Cito estas coisas apenas como pequenos exemplos, de quantos falsos deveres religiosos sobrecarregam os corações dos irmãos atualmente, quantas pequenas falsas doutrinas, pequenas crenças falsas que forma inseridas no meio da igreja e hoje são aceitas como a coisa mais normal, mas são apenas paganismo e doutrinas de outras religiões praticadas sob o selo "evangélico". Apenas o Espírito de Deus pode nos guiar de volta a essência do verdadeiro evangelho primitivo.


Deus abençoe

Arrepende-te Brasil
Share on Google Plus

Sobre o site ArrependeteBrasil

Arrepende-te Brasil: Nosso intuito é pregar o Evangelho de Jesus Cristo gratuitamente, sem pedir ofertas, sem falar em dinheiro, levando o conhecimento de Cristo a todos de graça e pela graça que nos foi dada pela Cruz e pelo Sangue do Nosso Senhor Jesus. Nosso foco é preparar o caminho, levar um povo a consciência e atitude de preparação individual para a volta do Senhor Jesus em Arrependimento e Santidade pelo Poder do Espírito Santo de Deus, para a Glória de Jesus e do Pai em Seu Filho Amado a quem nós também amamos, recebemos e ouvimos como Único Deus Senhor e Salvador.