O homem que dizia ser o arcanjo Miguel


Eu não sei explicar exatamente o que acontece, se é algo demoníaco ou apenas um doença mental, ou se ambos, porém já conheci muitos casos de pessoas que afirmavam ser seres celestiais ou espirituais, no caso, pessoas que afirmavam ser anjos ou até mesmo o arcanjo Miguel. Uma vez escutei um testemunho duma irmã relatando que estava participando duma pregação quando de repente o pregador começou a afirmar que ele era o arcanjo Miguel. Era uma igreja evangélica, e ela cutucou seu marido e perguntou "você viu o que ele está falando?". O marido fez pouco caso na hora, e ela insistiu "ele está dizendo que é o arcanjo Miguel". A resposta do marido foi surpreendente "ora, se ele está falando né".

Curioso como hoje em dia o diabo conseguiu enganar a igreja e a colocar numa posição confortável onde ela pode se eximir de julgar e discernir os fatos e acontecimentos e pregações que aparece. Ora, um homem está ali pregando e dizendo que é o arcanjo Miguel, mas boa parte da igreja diria apenas o seguinte "se ele está falando, quem sou eu para julgar né?" Aquele tipo de pensamento "ah, se ele estiver errado vai acertar contas com Deus mas não vou julgar". Sim, isso mesmo, as pessoas não julgam e continuam ali escutando o "arcanjo Miguel". Sim, esta história é verdadeira, e este acontecimento é real, e por isso devemos meditar, quão longe pode ir o controle da mente de um rebanho de fiéis ao seu pastor ou ungido favorito?

Na África do Sul nós temos visto repetidas vezes testemunhos de pessoas que participam de cultos bizarros. Um pastor ordenou que os seus fiéis comessem grama, e eles foram para o jardim da igreja comer grama. Nesta mesma linha, não sei se o mesmo pastor ou algum outro, fez com que seus fiéis engolissem uma serpente crendo que era chocolate, outro fez com que bebessem gasolina acreditando que era suco de abacaxi. Quem conhece sabe muito bem que isso é chamado de hipnose. Mas em tais congregações duvidar do óbvio, e questionar o óbvio é sempre tido como incredulidade, blasfêmia contra o Espírito Santo e tudo mais. As pessoas defendem tais tipos de "pastores" de capa e de guarda-chuva. Sim, elas vem testemunhar dizendo "não, mas eu tomei e era suco de abacaxi mesmo, Jesus transformou água em vinho, o pastor fez gasolina virar suco de abacaxi, se você não tem fé não critique para não pecar contra o Espírito Santo, estas coisas são coisas para pessoas espirituais, só os espirituais entendem, você é muito frio na fé".

Os pastores ensinaram muito bem os seus rebanhos a os protegerem, e eles possuem tamanho domínio da mente e coração das pessoas que literalmente se eles disserem que uma tomada é um focinho de porco as pessoas todas irão acreditar "ora, se o homem de Deus falou, quem sou eu para julgar?" Quer dizer que para eles se um homem de Deus ou mulher de Deus disser que uma abobrinha é um tomate, eles acreditarão pois "foi a mulher de Deus quem falou". Isso significa que estas pessoas já não pensam mais por si mesmas, elas abandonaram algo que a bíblia nos ordena manter para o bem da nossa alma, e chama-se senso de discernimento crítico. Paulo escreveu dizendo que deveríamos examinar todas as coisas, que significa, devemos discernir. João disse que deveríamos provar os espíritos para saber se vem de Deus. O próprio Senhor elogiou a igreja de Eféso em apocalipse dizendo "pusestes a prova os que se dizem ser apóstolos e os achastes mentirosos."

Não há lugar da escritura que diga para a igreja seguir cegamente a qualquer pregador que seja, mas toda a bíblia nos orienta a cuidarmos da nossa vida espiritual, nos guardarmos da mentira e engano, e a não entregarmos a nossa comunhão com Deus nas mãos de outras pessoas, mas assumirmos a responsabilidade pessoal por buscar ao Senhor. Ora, segundo a palavra de Deus nós somos tão responsáveis pelo que ouvimos quanto aquele que prega é responsável pelo que está falando. Paulo disse que se nós abraçássemos outro evangelho com razão é que sofreríamos. Os apóstolos da igreja primitiva elogiavam os irmãos bereanos por conferirem se a pregação dos apóstolos estava de acordo com a palavra, mas os apóstolos atuais dizem que é incredulidade, falta de espiritualidade, rebeldia, insubmissão a Deus, blasfêmia contra o Espírito Santo, se você quiser examinar as mensagens deles para ver se encaixam na palavra.

Ora, tais homens assim o fazem pois não querem que você descubra que eles estão em pecado e enganando a muitos. Eu nunca estou dizendo aqui de uma pessoa que apenas quer criticar por mania de criticar, ou murmuradora, que apenas vive a reclamar e caçar defeitos em tudo, mas estou falando de como o diabo conseguiu fazer a igreja depor as suas armas e parar de combatê-lo a pretexto de "não julgueis". A igreja hoje faz como Pilatos, ela vê o engano e a palavra de Deus sendo violentada no púlpito e apenas diz "eu lavo as minhas mãos, quem dará conta é o pregador". Este é o cenário de apatia no qual o diabo conseguiu mergulhar a igreja, num sono espiritual tremendo, onde ele literalmente pode entrar e sair da igreja e ninguém mais ousa confrontá-lo com a verdade. Ele está enganando as pessoas na igreja, acordemos!

Bendito seja Deus, que nos enche de coragem e amor para expor a sua Palavra!

Arrepende-te Brasil
Share on Google Plus

Sobre o site Altar de Arrependimento

Arrepende-te Brasil: Nosso intuito é pregar o Evangelho de Jesus Cristo gratuitamente, sem pedir ofertas, sem falar em dinheiro, levando o conhecimento de Cristo a todos de graça e pela graça que nos foi dada pela Cruz e pelo Sangue do Nosso Senhor Jesus. Nosso foco é preparar o caminho, levar um povo a consciência e atitude de preparação individual para a volta do Senhor Jesus em Arrependimento e Santidade pelo Poder do Espírito Santo de Deus, para a Glória de Jesus e do Pai em Seu Filho Amado a quem nós também amamos, recebemos e ouvimos como Único Deus Senhor e Salvador.