O combate dos apóstolos contra o gnosticismo


Pouca gente hoje conhece a palavra gnosticismo ou sabe o que ela significa, mas boa parte, bons trechos e porções das escrituras foram escritas pelos apóstolos de Cristo justamente para combater o pensamento gnóstico que era uma das heresias que mais ameaçava a igreja primitiva. Eles então escreveram muitas cartas refutando tal doutrina e confirmando os irmãos na pureza do Evangelho onde o sacrifício do Senhor Jesus sempre foi principal, primeiro, primordial e bastante.

A doutrina gnóstica consistia no conhecimento já que gnoses é um termo grego que significa conhecimento/ciência/sabedoria/saber e é chamada por Paulo por exemplo em sua epístola de falsa ciência:

"Ó Timóteo, guarda o depósito que te foi confiado, tendo horror aos clamores vãos e profanos e às oposições da falsamente chamada ciência, A qual professando-a alguns, se desviaram da fé. A graça seja contigo. Amém." 1 Timóteo 6:20,21

A falsamente chamada ciência aqui não é química, biologia, matemática, mas sim o gnosticismo. Basicamente eles pregavam que o mundo material teria sido criado por um deus mal, e que a verdade das coisas só se encontrava no mundo espiritual que tinha sido criado pelo deus bom e verdadeiro. Consideravam Jesus Cristo como um mensageiro deste deus bom, e como criam que tudo visível, ou físico era mal então negavam a encarnação de Cristo. Já que ele era um enviado do deus bom não poderia jamais ser de carne, teria que ser um ser puramente espiritual. Dai João ter escrito que aqueles que negam que Cristo veio em carne não são de Deus:

"Nisto conhecereis o Espírito de Deus: Todo o espírito que confessa que Jesus Cristo veio em carne é de Deus; E todo o espírito que não confessa que Jesus Cristo veio em carne não é de Deus; mas este é o espírito do anticristo, do qual já ouvistes que há de vir, e eis que já agora está no mundo." 1 João 4:2,3

Muitos trechos das escrituras foram destinados portanto a combater a heresia gnóstica. Os gnósticos se consideravam uma espécie de elite espiritual, e pessoas que acessavam segredos espirituais mais profundos os quais os outros, que ainda não tinha obtido o mesmo grau de evolução que eles não tinham ainda acesso. Os gnósticos portanto se consideravam sabedores de algum segredo espiritual, ou algum tipo de mistério, ou conhecimento a mais que os demais cristãos, e dai Paulo ter escrito em sua carta que na verdade TODOS OS TESOUROS ESPIRITUAIS ESTÃO EM JESUS CRISTO:

"Em quem estão escondidos todos os tesouros da sabedoria e da ciência." Colossenses 2:3

Na sua carta aos Colossenses Paulo além de combater o gnosticismo também combate outra heresia que prejudicava a muitos naqueles dias, o legalismo judaico. Os cristãos estavam sendo bombardeados com diversos ensinamentos que sempre tinham por objetivo dizer-lhes que não bastava terem recebido a Jesus Cristo como Salvador, agora eles precisavam de "um algo mais", e este algo mais ora era a observância de leis judaicas que eram apenas sombras que apontavam para Cristo, ora era adquirir um "conhecimento" a mais que só os evoluídos espiritualmente possuíam. E Paulo estava tentando dizer para o povo todo que Jesus Cristo basta, ele é suficiente, e é nele que estão todos os tesouros espirituais que Deus preparou para os salvos. Não é voltando a observar preceitos legalistas como se por tais preceitos o homem pude-se se salvar, nem tão pouco adquirindo a "gnose".

"Porque em tudo fostes enriquecidos nele, em toda a palavra e em todo o conhecimento" 1 Coríntios 1:5

São fartos os textos a se citar em que os apóstolos estavam combatendo a heresia gnóstica, usando afirmações dizendo a igreja que já fomos salvos, lavados, remidos, iluminados, conhecemos a verdade, quando conhecemos a Jesus Cristo, e que agora nada mais nos resta a não ser "conhecer e prosseguir em conhecer AO SENHOR", pois alguns na igreja, pelo contrário, estavam se desviando para doutrinas estranhas a graça que Cristo nos trouxe na sua morte na cruz. A sensação que tais doutrinas traziam era de que a cruz não havia sido suficiente, de que Cristo não havia sido suficiente, de que faltava um algo mais ainda para os crentes, e isto é uma porta aberta para heresias e falsidades que devemos fechar a todo custo na igreja do Senhor.

O pensamento gnóstico trazia o sentimento de que, se o mundo inteiro criado era mal, então o melhor para o homem se aproximar de Deus é viver uma vida ascética, ou seja, privando-se de qualquer tipo de benefício do mundo material, e privando a sua carne de qualquer tipo de beneficio. Nós sabemos que um homem só pode se aproximar de Deus por meio de Jesus Cristo, e pela fé no Senhor Jesus, não por meio de sacrifícios pessoais, mas só pelo sacrifício de Jesus, só ai se nasce de novo. Mas o pensamento de que o mundo visível é mal, levava muitas pessoas a viverem uma vida de jejuns e proibições constantes na tentativa de serem agradáveis a Deus. Proibindo-se até mesmo de coisas que Deus criou para os fiéis, para os que creem, aproveitarem com gratidão. Mas alguns gnósticos carregavam os cristãos de proibições "não toques, não proves, não manuseies", alguns eram vegetarianos, pregavam o celibato, e muitas proibições que tinham até aparência de piedade, trato duro contra o corpo, mas não tinham valor algum para de verdade mortificar a carne e o orgulho do homem.

O outro extremo do pensamento gnóstico levava a crença de que se o mundo é mau mesmo, então não devemos nos preocupar com o corpo de modo algum, já que será destruído mesmo, então se entregavam a experiência desregrada de todos e quaisquer prazeres deste mundo. Entre outras coisas alguns criam em culto aos anjos, tinham uma forte crença baseada em hierarquia angelical, negavam a expiação pelo sangue de Cristo, pois para eles sendo ele bom não poderia jamais ter morrido ou vivido num corpo ruim, de carne. Você pode começar a pesquisar sobre o gnosticismo e ver como esta doutrina está presente até hoje na igreja, com outros nomes é claro, mas você com certeza vai ler as cartas do novo testamento de um modo diferente se compreender o que foi o gnosticismo e então vai entender o porque os apóstolos escreveram muitas das coisas que escreveram.

Deus abençoe a todos.
Share on Google Plus

Sobre o site ArrependeteBrasil

Arrepende-te Brasil: Nosso intuito é pregar o Evangelho de Jesus Cristo gratuitamente, sem pedir ofertas, sem falar em dinheiro, levando o conhecimento de Cristo a todos de graça e pela graça que nos foi dada pela Cruz e pelo Sangue do Nosso Senhor Jesus. Nosso foco é preparar o caminho, levar um povo a consciência e atitude de preparação individual para a volta do Senhor Jesus em Arrependimento e Santidade pelo Poder do Espírito Santo de Deus, para a Glória de Jesus e do Pai em Seu Filho Amado a quem nós também amamos, recebemos e ouvimos como Único Deus Senhor e Salvador.