O problema de tentar encaixar num padrão humano as ações de Deus


"O vento assopra onde quer, e ouves a sua voz, mas não sabes de onde vem, nem para onde vai; assim é todo aquele que é nascido do Espírito." João 3:8

No evangelho de Marcos capítulo 6 versículo 7 nós lemos o Senhor Jesus tomando os discípulos e os enviando de "dois em dois". No livro de Atos nós vemos Pedro e João indo orar no templo a hora nona, em um grupo de dois. Porém no mesmo livro de Atos nós vemos Felipe evangelizando ao eunuco, e ele estava sozinho. O que precisamos entender algumas vezes é que não podemos tomar um versículo isolado da escritura para criar como base alguma doutrina. A bíblia toda precisa ser compreendida a luz da revelação da pessoa de Deus, da pessoa de Jesus Cristo, e também é necessário interpretar a bíblia como um todo e nunca apenas um trecho isolado dela.

Como seres-humanos nós normalmente queremos padronizar as ações de Deus. Eu digo isso pois uma pessoa pode pegar um versículo como este "de dois em dois" e dizer que ninguém pode evangelizar sozinho. Mas a bíblia nos mostra que há um tempo para todas as coisas. Há benefícios em se estar acompanhado, nós vemos Paulo juntamente com Barnabé, entretanto também há momentos em que "sozinho também funciona". Então nós não podemos querer limitar o agir de Deus a formatos pré-estabelecidos, até mesmo a formatos que são bíblicos mas que não necessariamente são os melhores formatos dependendo da situação em que nos encontramos. O evangelho pode se adaptar a diversas situações, sempre respeitando os princípios de Deus, mas os princípios de Deus são muito mais do que formatos, que tem sua utilidade, mas nem sempre podem e devem ser padronizados.

Você vai ler na bíblia o Senhor enviando os discípulos e ordenando que não levassem bolsa e nem alforge, nem duas túnicas, no entanto se continuar lendo o evangelho, vai encontrar um outro momento, em que a instrução do Senhor foi justamente para terem uma bolsa. Há um tempo para todas as coisas, e aquilo que talvez não seja conveniente em um período pode se tornar conveniente em outro momento da nossa caminhada. Respeitar o tempo de Deus é fundamental, e nesta variedade de modos de operação de Deus Ele jamais vai passar por cima de princípios como justiça, santidade, amor, misericórdia, compaixão, e muitos outros que regem e que são o caráter do nosso Deus. Por isso caímos em erros e ficamos com uma visão limitada das atitudes de Deus, e também do caráter de Deus, quando queremos moldá-lo a um padrão constante e exterior de atitude.

Não querendo ser grosseiro, mas sabe aquela história de que "se mudar a cor da grama o burro já não saberá mais pastar"? Sim, eu creio que esta é uma verdade com relação a nossa vida se permitirmos que a nossa visão espiritual das coisas de Deus seja muito estreitada e presa em si mesmos. Aliás, boa parte das heresias que nasceram na história da igreja partiram de grupos que começaram a valorizar demais um determinado ponto ou doutrina da escritura em detrimento de outros e acabaram com uma visão distorcida, e incompleta da mensagem de Deus. Seitas apocalípticas por exemplo, ainda que a palavra apocalipse signifique revelação e não "fim do mundo", mas hoje ainda temos muitos que se tornaram caçadores de sinais do fim do mundo muito mais do que "caçadores de Deus", e viraram as costas para a escritura como um todo, ficaram apenas focados em meia dúzia de versículos que falam sobre o final dos tempos, e no demais tudo que conseguem enxergar são "sinais da volta de Jesus" que muitas vezes, diga-se de passagem, são apenas "boatos e fake news". Ficaram presos a meia dúzia de versículos apenas.

Há tempo para todas as coisas irmãos, tenhamos uma visão mais plena a respeito de Cristo.

Deus abençoe a todos!
Share on Google Plus

Sobre o site ArrependeteBrasil

Arrepende-te Brasil: Nosso intuito é pregar o Evangelho de Jesus Cristo gratuitamente, sem pedir ofertas, sem falar em dinheiro, levando o conhecimento de Cristo a todos de graça e pela graça que nos foi dada pela Cruz e pelo Sangue do Nosso Senhor Jesus. Nosso foco é preparar o caminho, levar um povo a consciência e atitude de preparação individual para a volta do Senhor Jesus em Arrependimento e Santidade pelo Poder do Espírito Santo de Deus, para a Glória de Jesus e do Pai em Seu Filho Amado a quem nós também amamos, recebemos e ouvimos como Único Deus Senhor e Salvador.